A Circoop fez sua primeira apresentação em 2006 e conta com cerca de 500 artistas

circo-cooperativa-circoop

A arte do circo é milenar e surgiu como forma de entretenimento. A ideia é reunir um grupo de artistas e realizar apresentações de diferentes tipos, que de alguma forma se complementam e formam um espetáculo. Ou seja, o circo, em sua essência, tem tudo a ver com cooperação!

Quem trabalha com arte nem sempre encontra oportunidade e acaba desistindo por razões financeiras. Mas há quem resista, se unindo com outros artistas. Foi assim que a Cooperativa Brasileira de Circo (Circoop) foi criada, em São Paulo.

A Circoop, além de ser um lugar ao sol para quem quer trabalhar com arte e não encontra espaço, leva a arte para grupos que possivelmente não teriam a chance de ver uma apresentação de circo. Há quem não dê importância, julgue bobagem, mas a arte pode ser uma importante ferramenta de inclusão social e cultural!

A cooperativa de circo fez sua primeira apresentação em 2006. Ela já conta com cerca de 500 artistas e realiza diversas apresentações e oficinas gratuitas em parceria com o governo de São Paulo, principalmente para crianças que vivem na periferia. Ao longo deste tempo, o grupo ganhou prêmios, como o Carequinha, Funarte nas Ruas, Procultura e Proac. O valor recebido dos prêmios auxilia na continuidade da cooperativa e na criação de novos projetos.

Compartilhe: