A Pão da Terra produz pães, biscoitos, bolos, entre outros, com certificação de conformidade orgânica

Dizem que somos o que comemos. Por isso, achamos importante falar de alimentação saudável e sustentável aqui no blog. Hoje, vamos apresentar a Cooperativa de Orgânicos Pão da Terra. Conforme a dica que o nome já dá, o principal produto da cooperativa são os pães. Mas “Pão da Terra” tem também o sentido de um alimento que vem da terra, ou seja, aquilo que se planta e colhe. Para entender melhor a ideia, conheça o contexto em que a cooperativa iniciou seu trabalho.

Conquista da terra

Há mais de 20 anos, famílias assentadas no município gaúcho de Eldorado do Sul passavam por dificuldades. Muitas vezes não tinham nem o que comer. Mas eles tinham uma esperança: acreditavam que quando tivessem um pedaço de terra, teriam o melhor pão para se alimentar. E nesta luta, acabaram conquistando sua terra. No entanto, o solo não era adequado para plantar.

Então, a Fundação Gaia decidiu ajudar aquelas famílias com um trabalho de educação ambiental. Eles ensinaram como produzir os alimentos ecologicamente. Assim, o grupo passou a cultivar hortas e preparar seus próprios pães, bem como desejavam no início.

Formação da cooperativa

Apoiados pela igreja luterana, as famílias conseguiram comprar seus equipamentos e, então, iniciaram a Cooperativa de Orgânicos Pão da Terra, produzindo em suas próprias casas. Ao conhecerem outras cooperativas e produtores do ramo, foram convidados para participar da Feira dos Agricultores Ecologistas.

A partir daí, a cooperativa seguiu crescendo. Em 2013, adquiriram um espaço próprio para a produção da Pão da Terra. Atualmente, eles oferecem mais de 50 tipos de pães, além de biscoitos, salgados, bolos, entre outros. Todos os produtos são feitos com insumos naturais e têm certificação de conformidade orgânica.

Quer saber mais sobre alimentação orgânica? Confira os posts que já fizemos aqui no blog:

Cooperativas de agricultura orgânica tornam o mundo mais sustentável

Quer uma alimentação orgânica? Confira essa cooperativa da serra gaúcha!

Cooperativa gaúcha investe no mercado de frutas orgânicas

Compartilhe: