Existem 13 cooperativas vinícolas no RS, que têm juntas mais de 5 mil associados e cerca de 800 funcionários.

O cooperativismo vinícola responde por mais de 60% das commodities da produção vitícola de todo o mundo.

A primeira cooperativa vitivinícola da América Latina surgiu aqui no Rio Grande do Sul: em 1929 foi fundada em Caxias do Sul a Cooperativa Vitivinícola Forqueta, que segue em atividade até hoje.

O advogado italiano Stefano Paternó foi contratado pelo governo federal para implementar a mentalidade cooperativista na região e orientar a implantação das cooperativas. Paternó visitou vilas e povoados, palestrando sobre as questões norteadoras do cooperativismo.

Na época, o mundo passava por uma grave crise econômica e houve uma safra muito grande de uvas. Sem mercado para os vinhos coloniais, os produtores viram-se dependentes das demandas dos empresários da indústria vinícola. Para tentar reverter suas perdas com a crise, os empresários reduziram muito o valor que pagavam para os produtores, forçando-os a procurar novas alternativas. Uma dessas alternativas foi a organização em cooperativas.

A partir daí começaram a surgir outras cooperativas na região, como a Cooperativa Vinícola Garibaldi, a Cooperativa Nova Aliança e a Cooperativa Vinícola Aurora, que é hoje o maior empreendimento do gênero no Brasil. Com o passar dos anos e a entrada de novos produtores associados, as cooperativas vinícolas se consolidaram e ganharam espaço no mercado.

Hoje, elas se organizam em associações como a Federação das Cooperativas Vinícolas do Rio Grande do Sul, fundada em 1952. A Fecovinho é formada por 13 cooperativas, que têm juntas mais de 5 mil associados e cerca de 800 funcionários. Elas representam 22% da produção total de uvas do RS e faturaram aproximadamente R$ 400 milhões em 2012.

A Fecovinho realizou em 2013 em Caxias do Sul o 1º Fórum Mundial de Cooperativas Vitivinícolas. O evento teve presença de cooperativas da França, Espanha, Argentina, Chile e Brasil e discutiu parcerias entre elas, além de outras estratégias conjuntas para ampliar a competitividade e a participação no mercado mundial.

INSCREVA-SE EM NOSSA NEWSLETTER!

Compartilhe: