Já está no ar o terceiro episódio da websérie Fala Ae, Geração.
Confere lá no YouTube!

Fala-ae---Ep03---MiniaturaYT

Fala Ae, Geração!

A nossa websérie Fala Ae, Geração chega à metade com o terceiro episódio dos seis que vão ao ar no nosso canal no YouTube. Como você já sabe, a websérie debate os mais diversos temas do mundo do cooperativismo, mostrando como os princípios do cooperativismo estão inseridos na vida de todos, mesmo que você não perceba.

Episódio #3: Cooperativismo, Inovação e Música

No terceiro episódio, nosso apresentador Capu visitou seu amigo e parceiro de música, Rafael Malenotti, líder da banda de rock gaúcha Acústicos & Valvulados. Durante uma partida de sinuca, entre tacadas e encaçapadas, os dois conversaram sobre os impactos das novas tecnologias no mercado deles – no caso, a música – e fizeram um paralelo entre essas inovações e o cooperativismo.

#O que rolou?

Inovação disruptiva, tecnologia disruptiva ou disrupção, você já ouviu falar? Pode até ser que sim, mas da boca do nosso apresentador, provavelmente nunca.

Pois não é que o Capu se aventurou nesses termos que descrevem a inovação tecnológica, produto, ou serviço, com características “disruptivas” em vez de evolutivas, ou seja, que provocam uma ruptura com os padrões, modelos ou tecnologias já estabelecidos no mercado.

Na prática é a quebra de paradigmas, a inovação transformando um mercado ou setor existente através da introdução ideias que antes não existiam, e por isso transformam esse mercado.

#E a música com isso?

No bate papo descontraído com o Capu, Rafael Malenotti falou um pouco da banda Acústicos & Valvulados, e de como as inovações tecnológicas foram fundamentais para que a banda interagisse com seus públicos, desde a compra de um aparelho de fax nos anos 80, até a utilização da internet e as redes sociais hoje.

Malenotti falou que toda essa inovação, inexistente quando do início da banda há quase 30 anos, fez com que a Acústicos passasse a ser reconhecida no Brasil inteiro e fosse admirada por outros músicos como Samuel Rosa, da banda mineira Skank.

#E o cooperativismo com isso?

Assim como contou Malenotti, que na música os artistas buscam se ajudar para o bem de suas carreiras, no cooperativismo, as cooperativas se ajudam para o desenvolvimento do setor cooperativista como um todo. É a intercooperação, que junto com os outros seis princípios do cooperativismo mostram que todo o sistema cooperativista segue moderno, disruptivo e levando possibilidades e inovações a todo o Mundo.

Já que o tema é inovação, cooperativismo e música, Capu ainda lembrou que o tema do festival de música O Rio Grande Canta o Cooperativismo desse ano é Inovação, e as inscrições vão até 31 de agosto no site do Sescoop-RS. Não deixe de assistir a esse bate papo com essa super figuraça do mundo da música.

#O que vem por aí?

No próximo episódio nós teremos um convidado super fofinho para você se morder de raiva se não assistir, e falaremos sobre ação social sustentável.

Fica ligado que o próximo episódio sai no dia 04 de setembro, no canal do Geração Cooperação no YouTube. Até lá!

E fica mais uma vez a dica: se você perdeu os dois primeiros episódios da websérie, acessa aqui e aqui.

INSCREVA-SE EM NOSSA NEWSLETTER!

Compartilhe: