O espírito colaborativo da cultura digital dá asas aos valores cooperativistas em diversas iniciativas na web. Conheça algumas delas e participe!

A cultura digital tem tudo a ver com o ideal cooperativista. Na internet se proliferam várias iniciativas que aproveitam o fato de as pessoas estarem ligadas em uma rede mundial para que umas ajudem as outras em nome de um objetivo comum.

Consumo Colaborativo

Diversos sites abrem espaço para o que chamam de consumo colaborativo. Eles incentivam a troca e o aluguel de produtos e serviços, em vez da compra, o que não só faz bem pro bolso do pessoal, como também pro meio ambiente! Em espaços virtuais como o BuscaLá e o DescolAí, é possível trocar jogos, livros, e alugar coisas de uso menos frequente, como um vestido de festa ou uma furadeira!

Crowdfunding

Outra tendência bastante disseminada é o crowdfunding, uma forma de financiamento coletivo. Um exemplo bem conhecido é o site Catarse, que divulga projetos criativos que só precisam de recursos para se concretizar. Tem também o Vaquinha e o Traga Seu Show. As propostas circulam pelas redes sociais e vão ganhando doações de quem se identifica com elas. Muitas ideias já viraram realidade assim, com a ajuda da multidão conectada. 🙂

Crowdsourcing

E também tem o crowdsourcing, né? Talvez você não conheça com este nome, mas certamente já consultou a Wikipedia. Ela é baseada nesse nomezinho difícil ali em cima, que pode ser entendido como construção coletiva de conhecimento. Nessa enciclopédia online, milhares de pessoas do mundo todo constroem juntas as definições sobre cada tópico. Assim como na Wikipedia, a inteligência coletiva tem sido usada para resolver problemas, desenvolver novas tecnologias e até fazer arte.

Leia mais  Cotrijal forma turma do projeto Aprendiz Cooperativo

É o que acontece também aqui no Geração Cooperação. Somos uma plataforma aberta a receber sua participação, seu conhecimento. Queremos divulgar a experiência cooperativista de todos os jovens gaúchos. Com a colaboração de cada um, vamos construir nossa própria grande enciclopédia de histórias sobre o cooperativismo. E aí, quer ajudar? Responda nos comentários do post!

Inscreva-se em nossa Newsletter!
Compartilhe: