Liberdade, Igualdade e Humanidade. Parecem três Princípios do Cooperativismo, mas é o lema dos gaúchos.

bandeira-rio-grande-sul

O Geração Cooperação você já sabe, né? É uma plataforma coletiva de construção de conhecimento sobre cooperativismo dedicada às novas gerações, que foi lançada pelo Sescoop/RS, ou seja, o Sescoop do Rio Grande do Sul.

Estamos no Rio Grande, tchê!

Isso mesmo. Embora nossos conteúdos sejam nacionais e relevantes a todos jovens que buscam conhecer mais sobre cooperativismo, é no Rio Grande do Sul que o GC é produzido.

Então, como bons gaúchos, pedimos uma licença a vocês para falar um pouco do Rio Grande do Sul, sem deixar de lado, claro, o cooperativismo.

Ideais inovadores

Você já deve saber que o dia 20 de setembro é feriado para os gaúchos. Nessa data, comemoramos por aqui o aniversário da Revolução Farroupilha. Na verdade, é uma semana inteira de comemorações: a Semana Farroupilha.

Se você olhou o calendário, viu que, sim, estamos na Semana Farroupilha! E, para comemorar, vamos falar de valores que uniam os Farrapos e hoje fazem parte do cooperativismo.

Mas aí tu já deves estar se perguntando: por que os gaúchos comemoram uma guerra em que foram derrotados? Na verdade, não é só você, mas muita gente questiona isso.

O fato é que, apesar dos farroupilhas (o exército de gaúchos que se levantou contra o Império) terem saído derrotados após dez anos de Guerra dos Farrapos, os ideais pretendidos eram nobres, e se tornaram bandeiras de todo o Brasil anos mais tarde.

Ideais tidos como inovadores demais à época (1835), como República, federalismo, liberdade econômica, justiça social e até abolição da escravatura (embora esse último não fosse um ideal unânime entre os líderes farroupilhas), causavam enorme preocupação ao Império.

Leia mais  Semana Acadêmica da Escoop será de 11 a 13 de novembro

As cores dos Farrapos e do Cooperativismo

A bandeira do Rio Grande do Sul, hoje, é praticamente a mesma usada pelos Farrapos já em 1835.

Nela, a faixa verde representa a mata dos pampas gaúchos, a vermelha simboliza o ideal revolucionário e a coragem do povo e a cor amarela representa as riquezas do território gaúcho.

Resultado de imagem para bandeira rio grande do sul

Assim como a bandeira do Rio Grande do Sul, no Cooperativismo, as cores também têm significados, lembra? Sim, o Cooperativismo usa as sete cores do arco-íris em sua bandeira, e cada uma das cores tem um significado próprio:

  • Vermelho – Coragem
  • Alaranjado – Visão de futuro
  • Amarelo – Desafio em casa, família e comunidade
  • Verde – Crescimento individual como pessoa e como cooperado
  • Azul – Horizonte distante, a necessidade de ajudar os menos afortunados, unindo-os uns aos outros
  • Anil – Necessidade de ajudar a si próprio e aos outros através da cooperação
  • Violeta – Beleza, calor humano e coleguismo

Resultado de imagem para bandeira cooperativismo

O lema dos gaúchos e os Princípios do Cooperativismo

No centro da bandeira gaúcha, há o brasão do Rio Grande do Sul, onde encontramos os dizeres: República Rio-Grandense, 20 de setembro de 1835. Abaixo do escudo, está uma faixa com três palavras: Liberdade, Igualdade, Humanidade.

Esse era o lema dos Farroupilhas, que possui origem na Revolução Francesa, onde o lema era “Liberdade, Igualdade e Fraternidade”. Já estudou isso na escola, né?

Resultado de imagem para bandeira rio grande do sul

Liberdade

Liberdade, para os gaúchos, é um valor que tem tudo a ver com o nosso primeiro Princípio do Cooperativismo, Adesão Livre e Voluntária, o qual diz que as cooperativas são organizações voluntárias, abertas a todas as pessoas aptas a utilizar os seus serviços e assumir as responsabilidades como membros, sem discriminação de sexo ou gênero, social, racial, política e religiosa.

Leia mais  5 talks sobre cooperativismo que você precisa assistir

Liberdade também tem muito a ver com nosso quarto princípio: Autonomia e Independência. Porque as cooperativas são livres, autônomas e independentes, controladas por seus membros.

Igualdade

Igualdade é um valor dos gaúchos que dá vida ao nosso segundo Princípio, Gestão Democrática, em que diz que as cooperativas são organizações democráticas, controladas pelos seus membros, os quais participam ativamente na formulação das suas políticas e na tomada de decisões.

Igualdade também tem tudo a ver com nosso terceiro Princípio, a Participação Econômica, e diz que os membros contribuem equitativamente para o capital das suas cooperativas e controlam-no democraticamente, retornando aos sócios na proporção de suas transações com as cooperativas.

Humanidade

E o que os Farrapos traduziram por Humanidade em sua bandeira é um valor superligado a dois de nossos Princípios do Cooperativismo, que mais têm a ver com as pessoas, seja das cooperativas, seja das comunidades.

O quinto Princípio, Educação, Formação e Informação, diz que as cooperativas promovem a educação e a formação dos seus membros, dos representantes eleitos e dos trabalhadores, de forma que esses possam contribuir, eficazmente, para o desenvolvimento das suas cooperativas. Informam o público em geral, particularmente os jovens e os líderes de opinião, sobre a natureza e as vantagens da cooperação.

E Humanidade também tem a ver com o sétimo Princípio do Cooperativismo, Interesse pela Comunidade, que diz que as cooperativas trabalham para o desenvolvimento sustentável das suas comunidades através de políticas aprovadas pelos membros.

E o Cooperativismo com isso?

E aí, gostou de conhecer um pouco mais sobre a história do Rio Grande do Sul? O mais legal é saber que o que vivenciamos pacificamente com o Cooperativismo, hoje, com seus símbolos e princípios, é superconectado com anseios que, ali atrás, eram motivos de guerras para serem implantados por serem inovadores demais.

Leia mais  3 Iniciativas coop que o Fala Ae, Geração nos trouxe

Já pensou que as lutas que o Cooperativismo enfrenta hoje para implantar inovações, ali na frente, serão motivos de comemoração pela disrupção promovida, apesar de parecer impossível agora?

Essa é a magia do Cooperativismo, que tem princípios bem claros, valores e bandeiras para seguir fazendo história.

Inscreva-se em nossa Newsletter!
Compartilhe: